Temer fica contrariado com sugestão de FHC

:: Kennedy Alencar em 16/06/2017 22:23 ::

O presidente Michel Temer não gostou da sugestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso para, num “gesto de grandeza”, propor a antecipação de eleições gerais. O tucano, mais uma vez, dá uma declaração que cria embaraço político para o governo.

Temer prefere, neste momento, lutar para ficar no cargo até o fim do mandato no ano que vem. FHC e Temer já discutiram essa ideia. O atual presidente disse que seria de difícil execução, porque ele aceitaria se também concordassem todos os governadores, senadores e deputados, por exemplo.

Endossar publicamente a sugestão de FHC enfraqueceria Temer no momento em que ele precisará do apoio de pelo menos um terço dos deputados federais para barrar a denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

*

Cota política

O presidente já havia decidido que não efetivaria João Batista de Andrade, que divulgou nota hoje afirmando que não aceitaria a nomeação.

O pedido de demissão no qual o interino diz que ficará no cargo até a chegada do novo ministro foi entendido como sinal de insatisfação.

Temer deverá nomear um político para o cargo. A prioridade dele é reforçar a base de apoio na Câmara para enfrentar a provável denúncia de Rodrigo Janot. O governo, aliás, já conta com a possibilidade de o procurador-geral da República apresentar duas denúncias contra Temer.

Assista aos temas do “SBT Brasil”:
Clique na imagem para ver o vídeo:
0.jpg

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios