O ministério que virou suco

:: Bernardo Mello Franco em 18/06/2017 03:27 ::

BRASÍLIA – Ao tomar posse, Michel Temer decretou o fim do Ministério da Cultura. Depois de uma semana de protestos, ele voltou atrás. A pasta foi recriada, mas o presidente continuou a tratá-la com indiferença. Leia mais (06/18/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios