Supremo adia decisão sobre Aécio e solta irmã e primo, além de assessor de Perrella

:: GGN em 20/06/2017 17:56 ::

Categoria:

Justiça

Foto: PSDB

Aecio-Neves-Foto-George-Gianni-3.jpg

Jornal GGN – A primeira turma do Supremo Tribunal Federal decidiu colocar Andrea Neves e Frederico Pacheco, irmã e primo de Aécio Neves, respectivamente, em prisão domiciliar. A decisão se estendeu ao assessor parlamentar de Zezé Perrella, Mendherson Souza Lima, que também será beneficiado pelo julgamento que ocorreu na tarde desta terça (20), marcado por reviravoltas nos votos de Luiz Fux.

leia mais

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios