Votação decisiva na Câmara de denúncia contra Temer fica para agosto

:: El Pais em 13/07/2017 20:59 ::

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara rejeitou, por 40 votos contra 25, a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB-SP), acusado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, de corrupção passiva. A decisão da CCJ contraria o parecer do deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ), relator na comissão, favorável à abertura de um processo contra o presidente da República.

O tema, no entanto, ainda será analisado pelo plenário da Câmara, onde são necessários 342 votos para aprovar a abertura de um processo penal no Supremo Tribunal Federal. A vitória de Temer ocorre após uma ofensiva do Governo, que nesta semana se mobilizou para trocar os integrantes da comissão.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios