Cristãos do Iraque ainda temem voltar aos seus povoados

:: El Pais em 15/07/2017 14:59 ::

“As pessoas têm medo de voltar”. Assim, de forma direta, diz Zabeb Nuri, sentado em sua novíssima loja de ferramentas no centro de Qaraqosh, a cerca de quinze de quilômetros ao sudeste de Mosul. Quando o Exército lançou uma ofensiva contra o Estado Islâmico, no último mês de outubro, Qaraqosh foi um dos primeiros locais liberados. No entanto, diferentemente de outras zonas recuperadas posteriormente e que já fervem com atividade, as ruas da maior cidade cristã do Iraque continuam quase desertas. Seus habitantes, como outras minorias, desconfiam.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios