Exposição no Museu do Crédito Real dá início às comemorações do centenário do sambista juiz-forano Geraldo Pereira

:: Diário Regional em 18/07/2017 06:35 ::

história do samba com raízes mineiras e o enaltecimento das figuras de mestre-sala e porta-bandeira batem ponto na exposição “ICS 14 anos”, em cartaz no Museu do Crédito Real, localizado na Avenida Getúlio Vargas, 605, Centro. A mostra, que dá início às comemorações do centenário do sambista juiz-forano Geraldo Pereira, é uma iniciativa do Instituto Cultura do Samba (ICS). A curadoria é assinada pelo carnavalesco Fernando Valério.

“A exposição tem como temática o 14º aniversário do instituto, que será celebrado em setembro. Há uma série de fotografias expostas no museu, de modo a traçar uma linha do tempo que revela a trajetória e conquistas do ICS.

A mostra também reúne troféus, comendas e medalhas de honra, totalizando 14 peças, que o instituto ganhou ao longo dos anos por sua atuação a favor da cultura do samba em diversas cidades, como Rio de Janeiro, São Paulo, Uberlândia e Barbacena”, conta o curador da exposição.

O carnavalesco ressalta que a segunda ação, como parte das comemorações do centenário de Geraldo Pereira, um dos maiores compositores do Brasil, será uma exposição em sua homenagem, prevista para o mês de agosto. “A intenção é resgatar e contar a história do Geraldo Pereira. Ainda estamos no processo de pesquisa e vamos realizar as primeiras entrevistas com os familiares para constatar quais e quantos itens poderão integrar o acervo da mostra”, explica Fernando.

A exposição “ICS 14 anos” fica em cartaz até 2 de agosto, de segunda-feira a sábado, de 8h às 18h, com entrada franca.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios