Aprovados os primeiros trabalhos de conclusão de curso de Farmácia em GV

:: UFJF em 11/08/2017 11:45 ::

trabalho-farmacia-630x420.jpg

Alan Oliveira com a banca examinadora (Foto: Gabriela Ramos)

Nesta semana, três outros discentes do campus avançado da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF-GV) deram mais um passo rumo ao objetivo final da graduação. Na tarde desta quinta (10), o estudante Alan Reis de Oliveira teve o trabalho “Efeito da composição no comportamento reológico de óxidos de ferro produzidos por meio hidrotérmico” aprovado pela banca examinadora, no ICV/Univale.

O trabalho de Alan é fruto de um artigo, de mesmo nome, produzido com a coordenação do professor e orientador de seu TCC, Ângelo Denadai.

Os próximos desafios, segundo Alan, serão o mestrado e a aplicabilidade dos compostos estudados. “Durante a Iniciação Científica, meu foco foi a química. Agora, meu objetivo é mesclar a química com a área biológica, e, assim, vislumbrar aplicações dos compostos. Estamos trabalhando com outras aplicações em laboratório”, explicou.

A coordenadora do curso de Farmácia, Regina Kelmann, salientou o esforço de todo o departamento na conclusão dos trabalhos. “Iniciamos com quatro apresentações de TCC, sendo um deles referente a um artigo já publicado. Isso reflete o trabalho em conjunto dos professores, acadêmicos e técnicos, para que o curso tenha qualidade”, relatou. Ainda segundo Regina, o sentimento é de orgulho: “fomos bem avaliados pelo MEC, justamente em função dessa qualidade. A coordenação se sente muito feliz com os resultados, e sabemos que esses alunos vão ter bastante sucesso, porque foram muito bem preparados”, finalizou.

A apresentação de Alan dá sequência a outras duas realizadas nesta semana. O TCC de Clarisse Lima de Assis teve como tema “Avaliação da qualidade de amostra de méis comercializados em mercados e fruteiras do município de Governador Valadares”, enquanto o da estudante Máyra Lopes Fonseca foi “Validação de metodologia analítica por espectrometria UV/VIS para determinação de anfotericina B coencapsulado com antimoniato de maglumina em lipossomas para o tratamento das leishmanioses”.

Na próxima quarta (16), a estudante Paloma Esteves de Carvalho defende o trabalho “Conhecimentos sobre planejamento de serviços de gerenciamento de terapia medicamentosa implantados no Brasil”, às 16h, no Instituto de Ciências da Vida (ICSA/Pitágoras)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios