A crítica que Millôr não fez

:: Bernardo Mello Franco em 02/04/2017 05:49 ::

BRASÍLIA – “Quem avisa amigo é. Se o governo continuar deixando que certos jornalistas falem em eleições; se o governo continuar deixando que determinados jornais façam restrições à sua política financeira; se o governo continuar deixando que alguns políticos teimem em manter suas candidaturas; se o governo continuar deixando que algumas pessoas pensem por sua própria cabeça (…), dentro em breve estaremos caindo numa democracia.” Leia mais (04/02/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Baleado, mas não morto

:: Bernardo Mello Franco em 31/03/2017 05:40 ::

BRASÍLIA – A condenação de Eduardo Cunha indica que o ex-deputado não voltará tão cedo para casa. O peemedebista contava com um habeas corpus do Supremo Tribunal Federal para sair da cadeia antes da Páscoa. Com a sentença do juiz Sergio Moro, essa hipótese se torna remota, quase impossível. Leia mais (03/31/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Rio, capitania do PMDB

:: Bernardo Mello Franco em 30/03/2017 05:16 ::

BRASÍLIA – A Polícia Federal deu mais um golpe na quadrilha que saqueou o Rio de Janeiro. O ex-governador Sérgio Cabral já estava preso desde novembro, acusado de comandar um gigantesco esquema de corrupção. Agora chegou a vez do Tribunal de Contas do Estado, que nada fez para impedir a pilhagem. Leia mais (03/30/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

A rua esfriou

:: Bernardo Mello Franco em 29/03/2017 05:16 ::

BRASÍLIA – À esquerda ou à direita, é difícil encontrar um veredicto diferente. Os protestos verde-amarelos convocados para o último domingo (26) foram um fracasso retumbante. Depois de dois anos de ebulição, a rua esfriou. Era o que se ouvia no retorno dos parlamentares a Brasília. Leia mais (03/29/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

A hora da verdade no TSE

:: Bernardo Mello Franco em 28/03/2017 05:16 ::

BRASÍLIA – O ministro Herman Benjamin prometeu e cumpriu. Depois de dois anos, o processo que pode levar à cassação da chapa Dilma-Temer está pronto para ser julgado pelo Tribunal Superior Eleitoral. Leia mais (03/28/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

De volta para o futuro

:: Bernardo Mello Franco em 26/03/2017 05:58 ::

“CPI desvenda esquema de corrupção envolvendo empreiteiras e políticos.” A manchete parece resumir o noticiário de hoje, dominado pela cobertura da Lava Jato. Saiu em 2 de dezembro de 1993, na capa do finado “Jornal do Brasil”. Leia mais (03/26/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Em nome do país

:: Bernardo Mello Franco em 24/03/2017 05:40 ::

BRASÍLIA – “É mais uma vitória no caminho do Brasil que queremos”, comemorou o presidente da Fiesp, Paulo Skaf. “É um avanço para o Brasil”, endossou o presidente da Associação Comercial de São Paulo, Alencar Burti. Leia mais (03/24/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Um cenário ingrato

:: Bernardo Mello Franco em 23/03/2017 05:35 ::

BRASÍLIA – A turma que tenta melar a Lava Jato ganhou mais um motivo para sonhar. O ministro Gilmar Mendes sugeriu que a delação da Odebrecht pode ser anulada pelo Supremo Tribunal Federal. Seria um tiro fatal nas investigações sobre os repasses da empreiteira a políticos. Leia mais (03/23/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Os vilões da história

:: Bernardo Mello Franco em 22/03/2017 04:10 ::

BRASÍLIA – O escândalo da carne conseguiu algo que parecia impossível: fez os políticos esquecerem a Lava Jato, mesmo que por tempo limitado. Nesta terça (21), o assunto dominou os discursos do Congresso. Com raras exceções, os parlamentares defenderam os frigoríficos e atacaram a Polícia Federal. Leia mais (03/22/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Um silêncio conveniente

:: Bernardo Mello Franco em 21/03/2017 05:40 ::

BRASÍLIA – O que Michel Temer tem a dizer sobre seus seis ministros delatados pela Odebrecht? Até aqui, nada. A nova lista de Janot já está na praça há uma semana, mas o presidente ainda não deu uma única palavra sobre o assunto. Leia mais (03/21/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.