Emoção, razão e justiça nem sempre caminham juntas no futebol

:: Tostão em 21/06/2017 03:10 ::

Pela colocação na tabela e pelas atuações, Corinthians e Grêmio são agora os principais candidatos ao título do Brasileiro. O Corinthians, contra o bom time do Coritiba, sentiu a falta de Jadson, o jogador com mais talento coletivo da equipe. Leia mais (06/21/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Até a Copa, dificilmente haverá grandes mudanças nas equipes

:: Tostão em 18/06/2017 04:52 ::

Começou no sábado (17), na Rússia, a Copa das Confederações, sem o Brasil e com a Alemanha com um time de jovens. Leia mais (06/18/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Analistas deveriam ser mais prudentes ao exaltar times, técnicos e jogadores

:: Tostão em 14/06/2017 03:49 ::

Todos que opinam sobre futebol, me incluindo, deveriam ser mais prudentes, sensatos, e menos açodados, deslumbrados, ao exaltarem demais, antes da hora, jogadores, técnicos e times. Depois, quando surgem os insucessos, os mesmos que elogiaram excessivamente dizem que os jogadores e técnicos não “entregaram”, palavra da moda, o que se esperava deles. Quanto maior a expectativa, maior a decepção. Faz parte da degola dos técnicos. Leia mais (06/14/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

A derrota da seleção não diminui a qualidade da equipe, mas é um alerta

:: Tostão em 11/06/2017 04:19 ::

Ainda não entendi bem se a CBF, ao transmitir os jogos amistosos da seleção por meio da TV Brasil e pela internet segue uma tendência mundial ou quer também confrontar a TV Globo. A emissora, nos dias anteriores ao jogo, não falou nada sobre a partida nos noticiários esportivos. Foi bom ver Pelé, jovem para a idade. Tecnicamente, a transmissão foi boa, mas cheguei até a sentir falta de Galvão Bueno e Casagrande. Leia mais (06/11/2017 – 02h02)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Parece existir algo não resolvido entre Messi e a seleção da Argentina

:: Tostão em 07/06/2017 03:08 ::

Se Guardiola fosse técnico do Flamengo, provavelmente, escalaria a equipe como no Manchester City, com quatro defensores, apenas um volante (Márcio Araújo, Rômulo ou Cuéllar), um meia de ligação de cada lado e mais à frente do volante (Diego e Conca) –no Manchester City, são De Bruyne e David Silva–, Éverton Ribeiro e Vinícius Júnior pelas pontas, mais Guerrero. Ele seria muito criticado, e não sei se daria certo. O Manchester City é forte no ataque e frágil na defesa. Leia mais (06/07/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Deveríamos tratar Luxemburgo como um técnico comum

:: Tostão em 04/06/2017 03:51 ::

Luxemburgo está de volta, no Sport. A maioria diz que ele foi um treinador excepcional e que, com o tempo, ficou ultrapassado, por se desconcentrar do jogo e por não acompanhar os avanços e mudanças da ciência esportiva. Leia mais (06/04/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Antes de ser titular, Vinícius Júnior já é tratado como fenômeno

:: Tostão em 31/05/2017 03:03 ::

A Chapecoense é líder do Brasileiro, com os mesmos pontos de Corinthians e Cruzeiro, dois times parecidos. São seguros na defesa, têm bom domínio da bola e do jogo, sofrem e fazem poucos gols e perdem pouco. O elenco do Cruzeiro é melhor, pois tem dois bons jogadores em quase todas as posições, mas o time titular do Corinthians possui mais jogadores que estão entre os melhores de suas posições no país. Leia mais (05/31/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Lembranças do que não vivi

:: Tostão em 28/05/2017 05:00 ::

14154305.jpeg

Na época de treinamentos da seleção brasileira para a Copa de 1998, o time, que já estava na França, foi à Espanha, jogar um amistoso contra o Athletic Bilbao. Eu estava lá. Na porta do vestiário do Brasil, estava escrito: Brasil Nike. Achei um absurdo. A Nike era muito mais que uma patrocinadora. Ricardo Teixeira era o presidente da CBF. Leia mais (05/28/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

A cada rodada ou semana o Brasileiro tem um novo herói

:: Tostão em 24/05/2017 04:00 ::

Com exceção da Chapecoense e do Flamengo, que era um dos favoritos, todos os brasileiros continuam na Libertadores. Os rivais sul-americanos, na média, estão piores que nos anos anteriores. Por causa do aumento do número de clubes, isso ficou mais evidente. Na próxima fase, o nível técnico vai melhorar. Fora os brasileiros, o River Plate parece ser o mais forte. Leia mais (05/24/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Algumas equipes são excessivamente táticas, repetitivos e sem alma

:: Tostão em 21/05/2017 04:28 ::

Se o Real Madrid ganhar hoje o título espanhol, o que é provável, Zidane será campeão do país. E ainda é forte candidato ao bi da Liga dos Campeões. Leia mais (05/21/2017 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.